Associação Brasileira de Brangus
Login:   Senha:  
  história
  diretoria
  sócios
  técnicos
  interatividade
  transparência
  fale conosco
  comunicados
  rank
  catálogo
  genealogia
  trocar a senha
  denúncias
             reclamações
  artigos técnicos
  Revista Brangus
  clima
  eventos
  notícias Brangus
  notícias RSS
  download
  fotos
  vídeos


Matéria atualizada 26/07/2016

Genética Brangus é tema de Dia de Campo

Foi realizada no último sábado (23/07) a terceira edição do Dia de Campo da Fazenda Mutirão em Paragominas, uma das regiões mais importantes do Pará. Com a presença de cerca de 150 produtores rurais de todo estado, o evento debateu a importância e os avanços da genética Brangus. Entre os palestrantes do evento, o gerente do Departamento Técnico Corte da ABS Pecplan, Cristiano Ribeiro que falou sobre a utilização do Brangus em matrizes F1 Angu/Nelore. “É uma raça muito importante que, pelas suas características, está crescendo no país inteiro”, comenta, destacando que a Fazenda Mutirão é referência no trabalho de melhoramento, principalmente, pela qualidade da coleta de dados.

O proprietário da Fazenda Mutirão, Carlos Eduardo Ribeiro do Valle (conhecido como Cadu), é hoje também vice-presidente da Associação do Brangus. Pecuarista há mais de 40 anos, ele já trabalhava com animais meio sangue Angus x Nelore,  quando resolveu investir na utilização do Brangus. “Foi depois de uma viagem aos Estados Unidos. Há dois anos, estive na Exposição em Texas e fiquei impressionado com o resultado da genética lá”, explica, acrescentando que nesse período a difusão da raça no Brasil foi tão grande que, hoje, o criador acredita que os resultados aqui são ainda melhores do que os dos americanos. “Acredito que ainda vamos oferecer carne ou até mesmo o próprio garrote para eles”, aposta.

Guilherme Minssen, diretor comercial da Associação do Brangus, também esteve no evento e ressalta a importância do Pará para a pecuária brasileira. “Já são 22 milhões de cabeça, o que responde a 10% do rebanho total do Brasil”, informa, completando que o potencial do estado é promissor pelo volume de animais e também pelas condições climáticas favoráveis. “Nós vamos ter que produzir cada vez mais e com mais eficiência e a ferramenta genética que deslumbramos para isso é o Brangus”, afirma.

O Dia de Campo da Fazenda Mutirão também contou com palestras sobre a viabilidade financeira da IATF e ressincronização; as qualidades da raça Brangus; e a pecuária de precisão (adubação). Além disso, foi feita apresentação de animais superiores ao público presente. “É uma fazenda modelo na região, a qual temos orgulho de ter como parceira, contribuindo com geração de dados para o grupo de IATF ABS Pecplan. Temos certeza que será uma parceria duradoura e reafirmamos o apoio de toda nossa equipe ao projeto Brangus”, completa Romero Cavalcanti, supervisor da ABS nas regiões Norte e Nordeste.

Fonte: Assessoria de Imprensa


Mais Notícias
Seleção Brangus CRW faz R$ 9,6 mil para touros e R$ 4,8 mil para matrizes em Lavras do Sul
Touro S487 Supremacia contratado pela CRV Lagoa alcançou a valorização de R$ 34,5 mil
Brangus domina oferta do Tellechea Associados
Entre exemplares pretos e vermelhos, raça respondeu por mais de 81% e 87% da receita do remate
São Bibiano mantém tradição na pista de Uruguaiana
Remate promovido por Antonio Bastos Filho é um dos mais antigos da primavera gaúcha
Sem Fronteiras reúne quarteto de criatórios gaúchos
Rincon del Sarandy, Corticeira, Soldera e Ave Maria venderam Angus e Brangus pela TV
Cabanha Umbu mantém tradição em praça gaúcha
Criatório negociou produção de touros e fêmeas Angus e Brangus em Uruguaiana
Selo Racial com destaque para touros Braford e Brangus
Raças sintéticas Braford e Brangus surpreendem positivamente na comercialização, assim como a participação de novos investidores do Brasil Central
 
 
Redes Sociais :
Rua Piratininga, 908 Jardim dos Estados
Campo Grande, MS - CEP: 79020-240 - Fone: (67) 3321-1316
developed by